sábado, 28 de agosto de 2010

E DEPOIS...

E depois, como não podia deixar de ser, os espectáculos.
Ir à Rússia e não ir assistir a nenhum espectáculo, seria imperdoável.
Portanto fomos ao ballet, às danças e folclore russo, ao circo.
As fotos são poucas porque, tirando as danças russas, era proibido recolher imagens.

Mas também não são necessárias porque as recordações e emoções foram tão fortes que ficarão para sempre na memória. O profissionalismo, a cor, o ritmo, a beleza dos espectáculos, a alegria dos artistas era excepcional.


Saimos de tal modo encantados com a leveza, proezas e graciosidade dos acrobatas que ,no fim do circo, dissemos que depois daquela maravilha, não iriamos a mais nenhum que não fosse russo ou ao Cirque du Soleil.


Vou terminar estas notas de viagem embora fique muito por dizer, muito por mostrar.
Estas foram e estão a ser, umas férias maravilhosas. Pena que estão a acabar! Mas também, é o elas serem tão curtas que as torna tão preciosas e apreciadas...

5 comentários:

Abelha Maia disse...

Olá
Estou a adorar o teu relato.
bjsss

sandra disse...

Os espectáculos devem ter sido únicos! Já me fizeste colocar este destino na minha interminável lista! É pena não ser ao contrário: 30 dias de trabalho e os restantes meses de férias!

Cláudia M. disse...

OLÁÁÁ, minha linda! :)
Finalmente tive oportunidade de vir ler os relatos da tua viagem (grandiosa viagem!), ainda bem que já chegaste lá depois da "tempestade".
Tudo deslumbrante, já se vê. À grande e à "russa", que a grandeza da França anda um bocado adormecida...
Gostei muito de viajar um pouco contigo.
Quanto à tua pergunta, as fotos são da aldeia da m/ mãe, Papízios, concelho de Carregal do Sal (Viseu). Não ia lá há 2 anos, estava a morrer de saudades, adoro aquele sítio!:)
bjs

ameixa seca disse...

Eles são peritos nisso :) Deve ser emocionante!

xunandinha disse...

Deve ter sido lindo,os russos dançam muito bem, a minha filhota adora ver ballet russo.Obrigado por dividires connosco as tuas aventuras.beijinhos