segunda-feira, 9 de maio de 2011

LINDINHA

A " Lindinha" morreu!
Calmamente, sem feridas ou causa visível, fomos dar com ela debaixo de uma árvore perto do ninho dos filhotes dela.


Cadela independente, caçadora, pouco dada a meiguices mas boa para dar logo sinal a qualquer barulho estranho,adorava perfumar-se deitada no meu tomilho, vagueou alegremente por montes e vales, escapou ilesa a perigos e armadilhas, escolheu os companheiros que quis para ter imensas ninhadas e, parece-me a mim, foi uma cadela feliz!

Deixou-me os filhotes orfãos.


Agora estamos todos de serviço, cá em casa, armados de biberão, a dar mamadas a toda a hora, para ver se os "bébés" se aguentam, porque só têm 3 semanas. Depois de terem "chorado" imenso com saudades do contacto da mãe, penso eu, começam a habituar-se ao nosso toque.

4 comentários:

Cláudia M. disse...

Oh pá, tadinha da cadela. Primeiro pensei que tinha morrido de velhice, mas se tinha tido os babies há pouco tempo, ainda não era velha... :(
Tão pequeninos, os teus "meninos"
Espero que resistam, coitadinhos, com tão pouco tempo ainda eram totalmente dependentes da mãe.
Boa sorte para todos.
(Vou mandar as fotos do vestido)
bjs

Gina disse...

Estão aconchegadinhos...
Com esses cuidados ficarão bem.
Que dó!
Bjs.

Raspas de Laranja disse...

É sempre uma notícia muito triste, a da morte dum animal de estimação, e esta então com filhotes para criar, ainda mais. Pelo menos parece não ter sofrido, já é uma coisa boa, se é que se pode falar assim.
Agora resta a ninhada, com tanta necessidade de carinhos e cuidados.
Bjs

ameixa seca disse...

Fogo, já choro. Não gosto destas notícias! Tenho certeza que esses bichinhos vão ser bem tratados :)