quarta-feira, 30 de setembro de 2009

ROSETAS

Há quase uma semana que não escrevo nada. Até parece incrível! O facto é que este calor húmido tem dado comigo em doida. Derreto-me no trabalho, prendo o cabelo que pinga, abro as duas janelas do carro e acelero para entrar ar, como "montes" de salada porque não me apetece mais nada, estiraço-me pelos sofás da casa, espreito os blogs pela noite, no escritório de janelas escancaradas, sentada na corrente de ar.
É bom que esteja calor. É muito mais simpático termos este tempo em vez de inundações como em alguns países. Mas é tão díficil levantar e ir trabalhar quando apetece é ir dar uma volta, sentar numa esplanada e lamber um gelado!
Hoje pelo menos já esteve nublado, quase a ameaçar uma trovoada que não chegou a acontecer.
Apesar de ser uma acalorada, de adorar ver os outros com écharpes, pacheminas, cachecois e nunca os poder usar porque ando sempre esbaforida (e não me digam que é da idade porque sempre fui assim), comecei estas rosetas que hão-de fazer um cachecol para o Inverno.

São lindas, super fáceis é rápidas de fazer.
Vou levá-las para fazer neste fim de semana prolongado que se avizinha e pelo qual eu suspiro para poder dormir até ao meio-dia, no mínimo, todos os dias. Ehehehe, estou a exagerar mas não muito!

8 comentários:

ameixa seca disse...

Pois eu adoro o Outono e sou uma friorenta de primeira. Tu é que és uma mulher quente he he
Faço cachecois mas aqueles pontos muito básicos: pé de meia, manta de gato he he Rosetas é muito à frente para mim... mas são realmente lindas!
Bom fim de semana prolongado, aproveita muito muito ;)

A DONA DO MUNDO disse...

E por aqui, onde a primavera deveria aparecer radiosa, a chuva manda e desmanda! Tá frio, eu to com gripe, mas a canja do madidoco me anima!!
Beijinho Noémia, e exagere muito no fim de semana!!

A DONA DO MUNDO disse...

ahh! querida Noemia, obrigado or ter me explicado a palavra, e não se preocupe com a oliveira e com a videira, renderam boas risadas aqui hoje
meu marido me chamou de louca e mais ainda tu por me dares atenção!!
Beijoss

Raspas de Laranja disse...

Pois o tempo anda meio maluco, mas ainda vamos pagar isto tudo, pois não resulta, tanto calor em finais de Setembro.
Longe vai o tempo em que eu fazia dessas rosetas, e a mãe ficava toda contente. Decididamente não consigo fazer mais. O rossar das agulhas nas mãos dão-me a volta ao capacete e fico super nervosa. Algumas pessoas relaxam (tu deves ser dessas) mas eu, nem pensar. Mais tarde ainda bordei ponto de cruz, qualquer dia tiro fotos aos três trabalhos que tenho, mas cansa-me muito a vista, e desisti.
Bem amiga, tenho de continuar a trabalhar. Bjs e bom resto de semana!

sandra disse...

É verdade! Este tempo anda às avessas e não puxa ao trabalho, antes pelo contrário! Como eu te compreendo!
As rosetas são amorosas! Depois quero ver esse cachecol!

Noémia disse...

Sou super quente, Ameixa, até tenho inveja de sentir frio.Quanto ao Outono, também adoro, é a minha estação do ano preferida! :)

Pois é, Dona do mundo, andam as estações do ano trocadas. Detesto ter gripe, ainda bem que você tem canjinha e miminhos para a animarem! :)

Ó Zé, eu adoro sentir umas agulhas nas mãos, sejam de crochet ou de tricot. Acalmam-me e dão-me imenso prazer. Também já bordei muito ponto de cruz e dos outros pontos, também me deixei disso porque, tal como tu, sentia que esforçava muito os olhos.:)

Ainda bem que há quem me compreenda, Sandra, é uma preguiça!Eu depois mostro o resultado final das rosetas.

Bom fim de semana para todas! ;)

xana disse...

rosetas?humm...
SERÁ?!?!SERÁ?!?!SERÁ?!?!

Noémia disse...

Achas?
Eu guardo muito bem os segredos, menina Xana.Só quando te chegar às mãos é que mostro! :)