segunda-feira, 14 de setembro de 2009

PÃO DE ERVAS ITALIANO

Lembram-se do livrinho que comprei na FNAC, « Guia de receitas para apreciadores de Pães e Bolos» ?
Comprei-o porque gosto imenso de pães caseiros, diferentes, com ingredientes variados e, até agora não me têm saído grande coisa, com a excepção de um ou outro.
Claro que estão aí a dizer, « Caseiro? Mas tu não usas o MFP?» - Pronto, está bem, semi-caseiro...ou como diz o meu marido, quando no restaurante eu pergunto se a mousse é caseira, é caseira porque foi feita em casa, directamente do pacote!
Voltando ao que interessa, depois de folhear o livro de trás para a frente e da frente para trás, lá escolhi a receita com que o havia de estrear. Acertei de tal maneira que já estava a fazê-lo quando descobri que se tinham esquecido, por lapso, de mencionar a quantidade de farinha. Olha a minha sorte! Assim, a olhómetro, calculei que devia ser mais ou menos a quantidade da receita ao lado e depois inventei.
O resultado foi muito bom. Ora olhem lá para o aspecto já que não podem saborear!


PÃO DE ERVAS ITALIANO

2 c.s de azeite
1 dente de alho esmagado
1 c. de chá de mangericão seco (usei fresco)
1/2 c. de chá de orégãos secos
1/2 c. de chá de tomilho seco (usei fresco)
1/2 c. de chá de alecrim seco (usei fresco)
120 ml de água
60 ml de leite
1 c. de chá de açucar
1 c. de chá de sal
1 1/2 c. de chá de fermento
Usei 320 gr de farinha de trigo mais 3 c.s. de farinha de milho

Aqueci o azeite numa frigideira, juntei o alho e as ervas e salteei por 2 min. sem deixar queimar o alho.
Depois deitei na MFP, primeiro os líquidos e depois os sólidos e regulei-a para "pão branco com crosta média".


Dá um pão pequeno por isso aconselho a dobrarem as quantidades para ficarem com um pão de 1 Kg porque vale a pena.
É muito saboroso para comer simples ou para ser usado numas belas sandes de carne assada ou queijo.

8 comentários:

Gina disse...

Esse pão é maravilhoso. Tenho uma receita muito parecida e já estou com saudade de fazê-la. Essa mistura de ervas é de um sabor muito especial.
Boa semana!

ameixa seca disse...

Fogo, caseiro sim senhora! Semi-caseiro é aquele que é só despejar o pacote na máquina e juntar água. Este é caseiro e bem caseiro, já para não dizer que é super aromático e as ervas são da tua casa, certo? Ora aí está... caseirinho :)

Cláudia M. disse...

Ai, Noémiaaa!!! que fome!!

eu nem posso dizer que está com óptimo aspecto, pq isso é pouco, está mesmo de cair para o lado! Essas ervinhas aí a espreitarem... huuummm
Essa maravilha nas minhas unhas não durava muito tempo, ai não, não :)))

bjs

Noémia disse...

Gina, na verdade esta mistura de ervas dá ao pão um sabor muito especial e agradável. Boa semana:)

Ameixa,tens razão, já não me lembrava dessas misturas prontas que é só juntar água.:)
Claro que as ervas são minhas, colhidas directamente da horta para a frigideira,ehehehe!

Olha, Cláudia, cá em casa também não durou muito,não! Primeiro porque não era muito grande, depois porque era tão bom que todos lhe chegaram bem.:)

Raspas de Laranja disse...

Olá, estava à espera de um pãozinho do teu novo livro, e voila, aqui está ele. Deve ser mesmo uma delicia, e se me permites vou fazer esta receita, pois adoro esses aromas. Bjs

Pratos da Bela disse...

Hummmmmmmmmmmm
Fantástico que apresentação estupenda, deve ser divinal...
Jinhos

Noémia disse...

Pois, Zé, não pude resistir muito tempo sem fazer um pão de lá.
Claro que podes fazer a receita à vontade, até fico muito contente que experimentes, é mesmo muito bom! :)

Anabela, obrigada, além do bom aspecto é muito bom, 5 estrelas!:)

shi disse...

estou ficando doida com suas receitas de pães :)